sexta-feira, 23 de dezembro de 2011

  
"Sorrir é melhor
Quando soma e traz
Um outro sorriso em alguém"

  
Um anjo muito especial - Roupa Nova


  

quarta-feira, 21 de dezembro de 2011

Se enamora



"Mas uma canção é tão pouco
Nem cabe
Tudo que eu quero falar"
    

sábado, 17 de dezembro de 2011

Dentro de nós


  
"O reino de Deus está dentro de vós” - Jesus em Lucas 17:20-21.





"Despedidas sempre fazem a minha garganta doer.
Eu preciso de mais “olás”. "

Charlie Brown
episódio Snoopy Come Home - It Changes





 

quinta-feira, 15 de dezembro de 2011

A vida


"É fazer da tristeza
estrelas a mais
e do pranto uma canção"


Pequeno Mundo - Small World




quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

Coisa mais linda !



O ser humano e suas belezas.
Achei muito bonito esse vídeo. O menininho aprendendo LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais)


Caminho de dentro


"Só levo a certeza
de que muito pouco eu sei
ou nada sei

Todo mundo ama um dia,
Todo mundo chora
Um dia a gente chega
E no outro vai embora
Cada um de nós compõe a sua história
Cada ser em si
Carrega o dom de ser capaz
E ser feliz"


Tocando em frente - Almir Sater

segunda-feira, 12 de dezembro de 2011



"Alice perguntou ao coelho:
- Quanto tempo dura o que é eterno?
O coelho respondeu:
- Às vezes, apenas um segundo."

 
 
 
Texto: Alice no País das Maravilhas
Imagem: janamagalhaes.com
   

domingo, 11 de dezembro de 2011

Tempo de Deus



"Mas o Teu silêncio é...
Pra me fazer crescer
E entender que Deus tem...

Seu tempo,
Seu jeito,
Seu reino
E eu apenas servo sou
Do Seu tempo,
Seu jeito
Seu reino, amém!"


Kléber Lucas - Tempo de Deus

 

quinta-feira, 8 de dezembro de 2011

Onde o coração trabaia, ai, ai




Cuitelinho
(domínio público)

Cheguei na beira do porto
Onde as onda se espaia
As garça dá meia volta
E senta na beira da praia
E o cuitelinho não gosta
Que o botão de rosa caia, ai, ai, ai

Quando eu vim
da minha terra
Despedi da parentaia
Eu entrei no Mato Grosso
Dei em terras paraguaia
Lá tinha revolução
Enfrentei fortes bataia, ai, ai, ai

A tua saudade corta
Como aço de navaia
O coração fica aflito
Bate uma, a outra faia
Os óio se enche d'água
Até a vista se atrapaia, ai, ai, ai

Vou pegar o teu retrato
Vou botar numa medaia
Com um vestidinho branco
E um laço de cambraia
Vou pendurar no meu peito
Que é onde o coração trabaia, ai, ai


  

sábado, 26 de novembro de 2011

Mais uma vez


"Mas é claro que o sol vai voltar amanhã
Mais uma vez
Eu sei"


Renato Russo

terça-feira, 22 de novembro de 2011

O amor


"É certo que há muita dor na Terra. Mas, há muito amor".
"O amor que se faz apaga o mal que se fez".

Divaldo Franco

Amor e coragem



"Quando você cuida de alguém que realmente está precisando, você vira um herói. Porque o arquétipo de herói é a pessoa que, se precisar, enfrenta a escuridão e segue com amor e coragem porque acredita que algo pode ser mudado para melhor"


Hunter Adams

  

domingo, 20 de novembro de 2011

Herdeiros do Futuro


"A vida é uma grande
Amiga da gente
Nos dá tudo de graça
Prá viver
Sol e céu, luz e ar
Rios e fontes, terra e mar...

Somos os herdeiros do futuro
E pr'esse futuro ser feliz
Vamos ter que cuidar
Bem desse país"


Toquinho

Deixe ser...

terça-feira, 15 de novembro de 2011

É só o amor, é só o amor

 

"É só o amor! É só o amor
Que conhece o que é verdade 

O amor é bom, não quer o mal
Não sente inveja ou se envaidece  
   
O amor é o fogo que arde sem se ver
É ferida que dói e não se sente
É um contentamento descontente
É dor que desatina sem doer

  
Ainda que eu falasse
A língua dos homens
E falasse a língua dos anjos,
Sem amor eu nada seria
"


da letra de Monte Castelo - Renato Russo

domingo, 13 de novembro de 2011

Poema do menino Jesus



(...)
A mim, Ele me ensinou tudo.
Ele me ensinou a olhar
para as coisas.
Ele me aponta todas as cores que há
nas flores e me mostra como as pedras são engraçadas quando a gente as tem na mão e olha devagar para elas. (...)

Fernando Pessoa

terça-feira, 8 de novembro de 2011

Mãos Dadas


Carlos Drummond de Andrade

"Não serei o poeta de um mundo caduco.
Também não cantarei o mundo futuro.
Estou preso à vida e olho meus companheiros.
Estão taciturnos mas nutrem grandes esperanças.
Entre eles, considero a enorme realidade.
O presente é tão grande, não nos afastemos.
Não nos afastemos muito, vamos de mãos dadas.
 
Não serei o cantor de uma mulher, de uma história,
não direi os suspiros ao anoitecer, a paisagem vista da janela,
não distribuirei entorpecentes ou cartas de suicida,
não fugirei para as ilhas nem serei raptado por serafins.
 
O tempo é a minha matéria, o tempo presente, os homens presentes,
a vida presente."

terça-feira, 1 de novembro de 2011

Sim à vida !!!


Virando a página para tudo o que não me serve mais !!
Sim à vida! É o que digo hoje e o que vou praticar.
A dificuldade me ajudou a crescer.
Sim à alegria e à vontade de viver, ser feliz
e fazer mais feliz a vida dos outros.
Obrigada !!


"Recorda que em tudo somos acalentados pelo amor incessante
da Providência Divina e sigamos adiante, lembrando-nos de que,
além da noite, o Sol brilha"
Emmanuel - Chico Xavier

segunda-feira, 31 de outubro de 2011


"Obstáculo vencido
aprendizagem inesquecível"

Marco Prisco, Divaldo Franco

domingo, 30 de outubro de 2011

A música que tenho escutado

"meu amor é teu
mas dou-te mais uma vez
meu bem, saudade é pra quem tem"



 
Meu amor é teu - Marcelo Camelo

quinta-feira, 27 de outubro de 2011

Como no céu, assim na terra




Que Deus me ajude cada dia a escutá-Lo através de meu coração.
Vai ser tão bom quando a gente aprender a paz do amor..
..deve ser para isso que caminhamos..
 
Caminhemos.. 
 

quarta-feira, 26 de outubro de 2011

As mensagens de hoje

vinda de minha mãe, deixada em um bilhete:
"Esquece qualquer sombra,
Não pares, serve e segue"
Emmanuel / Chico Xavier
Luz Bendita (Novo Dia)


vinda de meu pai e depois um abraço:
"Sim à vida!"



vinda da Mansão do Caminho, fui ao site ler a mensagem do dia:
"Problemas são desafios à luta e dificuldades são testes de promoção espiritual. Indispensável manter o bom ânimo em qualquer lugar e posição, recordando a necessidade de nobre aplicação dos valores de que dispões: visão, palavra, audição, movimento, lucidez e tantos outros, distribuindo bênçãos entre os que conduzem mais pesado fardo. ... E seja qual for a provação que te surpreenda, tem coragem! O pior que pode acontecer a alguém é entregar-se à descrença, apagando a chama íntima de fé e caminhar em plena escuridão da estrada, sem arrimo. Assim, confia em Deus, e, corajoso, prossegue de espírito tranqüilo."
Divaldo Pereira Franco / Joanna de Ângelis / Livro: Convites da Vida / 26/10/2011

  

Ouvi hoje no rádio

Meu jardim
(Vander Lee)




 " Tô revendo minha vida, minha luta, meus valores              
         Refazendo minhas forças, minhas fontes, meus favores
            Tô regando minhas folhas, minhas faces, minhas flores
               Tô limpando minha casa, minha cama, meu quartinho        
                   Tô soprando minha brasa, minha brisa, meu anjinho
                        Tô bebendo minhas culpas, meu veneno, meu vinho  
                           Escrevendo minhas cartas, meu começo, meu caminho
                             Estou podando meu jardim
                                 Estou cuidando bem de mim "

       

terça-feira, 25 de outubro de 2011



"Haverá sempre outro nascer do sol amanhã"

(Adolfo Bezerra de Menezes, por Divaldo Franco )

segunda-feira, 24 de outubro de 2011

No caminho...


Senhor, fortaleça-me para a Sua Vontade.

domingo, 23 de outubro de 2011

Para nunca perder esse riso largo


" Cuide-se bem
Perigos há por toda parte
E é bem delicado viver
De uma forma ou de outra
é uma arte, como tudo.
    
Cuide-se bem,
Tem mil surpresas à espreita
Em cada esquina mal iluminada,
Em cada rua estreita
Em cada rua estreita
Do mundo
      
Pra nunca perder esse riso largo
E essa simpatia estampada no rosto
Pra nunca perder esse riso largo
E essa simpatia estampada no rosto
     
Cuide-se bem,
Eu quero te ver com saúde
E sempre de bom humor e de boa vontade
De boa vontade
Com tudo
     
Pra nunca perder esse riso largo
E essa simpatia estampada no rosto
Pra nunca perder esse riso largo
E essa simpatia estampada no rosto "


Cuide-se Bem - Guilherme Arantes

sábado, 22 de outubro de 2011

Ao vento,


"Vamos chamar o vento

Vamos chamar o vento"
(Dorival Caymmi)


Traga a mensagem
em meu silêncio
como uma brisa leve que apontará
para aonde deverei ir.
Seja suave, generoso, amigo.
Quando assoprar
avise todos os corações...
com todo o carinho, com todo cuidado
com toda gratidão.
Me pegue pela mão,
enquanto nos primeiros passos,
para que eu encontre o lugar..
o lugar do meu sonho, da minha morada,
do meu abrigo.
Do meu coração.



quarta-feira, 19 de outubro de 2011



" Queria gritar
Mas lembrei
Que ali era praia de pescador
Ah! meu amor"



Letra - Música: Flávio Venturini
Quadro: "O Pescador" de Tarsilla do Amaral


segunda-feira, 17 de outubro de 2011

Na estrada



Você não sabe
O quanto eu caminhei
Pra chegar até aqui
Percorri milhas e milhas
Antes de dormir
Eu nem cochilei

Os mais belos montes
Escalei
Nas noites escuras
De frio chorei, ei , ei

A vida ensina
E o tempo traz o tom
Pra nascer uma canção
Com a fé do dia a dia
Encontro a solução
Encontro a solução...

Meu caminho só meu pai
Pode mudar
Meu caminho só meu pai
Meu caminho só meu pai...


A estrada - Cidade Negra

sábado, 15 de outubro de 2011

terça-feira, 11 de outubro de 2011

Canta o mundo que vê



"Por isso uma força me leva a cantar,
por isso essa força estranha no ar.
Por isso é que eu canto, não posso parar.
Por isso essa voz tamanha"


Caetano Veloso - Força Estranha



segunda-feira, 10 de outubro de 2011

..do lado de trás da terra


"filho de sol poente
quando teima em passear
desce de sal nos olhos
doente da falta de voltar

filho de sol poente
quando teima em passear
desce de sal nos olhos
doente da falta que sente do mar"


Marcelo Camelo - Despedida

Quem vem lá, que horas são ?


"Que tanta cerimônia
Se a dona já não tem
Vergonha do seu coração"



Chico Buarque - Suburbano Coração 
Ilustração: Jana Magalhães

segunda-feira, 3 de outubro de 2011

Menina da Lua


"Leve na lembrança
A singela melodia que eu fiz
Pra ti, ó bem amada
Princesa, olhos d'água
Menina da lua
Quero te ver clara
Clareando a noite intensa deste amor
O céu é teu sorriso
No branco do teu rosto
A irradiar ternura
Quero que desprendas
De qualquer temor que sintas
Tens o teu escudo
O teu tear
Tens na mão, querida
A semente
De uma flor que inspira um beijo ardente
Um convite para amar
Leve na lembrança
A singela melodia que eu fiz
Pra ti, ó bem amada
Princesa, olhos d'água
Menina linda"

   
Menina da Lua - Renato Motha

domingo, 2 de outubro de 2011

Gratidão pela terra nossa de cada dia

 
"As vezes ouço passar o vento; e só de ouvir o vento passar, vale a pena ter nascido."

Fernando Pessoa
 
 

sábado, 1 de outubro de 2011


"A vontade de Deus nunca irá te levar aonde a Graça de Deus não irá te proteger."


sexta-feira, 30 de setembro de 2011




"Ressuscita-me
Ainda que mais não seja
Porque sou poeta e ansiava o futuro
Ressuscita-me
Lutando contra as misérias do cotidiano
Ressuscita-me por isso
Ressuscita-me
Quero acabar de viver o que me cabe
Minha vida
Para que não mais exista amores servis
Ressuscita-me
Para que ninguém mais tenha
De sacrificar-se por uma casa ou um buraco
Ressuscita-me
Para que a partir de hoje
A partir de hoje
A família se transforme
E o pai
Seja, pelo menos, o universo
E a mãe
Seja, no mínimo, a terra
A terra, a terra"



Música "O amor".
Composição : Caetano Veloso (baseado em poema de Vladimir Maiakovski)

terça-feira, 27 de setembro de 2011

O sol se levantou mais cedo


"O sol levantou mais cedo e quis
Em nossa casa fechada entrar
Prá ficar
  
O medo de amar é não arriscar
Esperando que façam por nós
O que é nosso dever
Recusar o poder
 
O sol levantou mais cedo e cegou
O medo nos olhos de quem foi ver
Tanta luz"

Beto Guedes

segunda-feira, 26 de setembro de 2011

O inesperado...



"vai que se materializa o meu sonho dourado
vai que me espera com boas notícias o inesperado"


Adriana Calcanhoto - "Eu vivo a Sorrir"

sábado, 24 de setembro de 2011

"Recria tua vida, sempre, sempre.
Remove pedras e planta roseiras e faz doces. Recomeça."
Cora Coralina
 
 

terça-feira, 20 de setembro de 2011

E sonhos não envelhecem

"De tudo se faz canção
E o coração na curva de um rio rio rio rio..."




Trecho da música: Clube da Esquina 2
de Lô Borges, Márcio Borges, Milton Nascimento

sexta-feira, 16 de setembro de 2011

quinta-feira, 15 de setembro de 2011

Dia do Musicoterapeuta

Essa foi a profissão que escolhi: musicoterapeuta. Todos os dias aprendo muito. A música como terapia, como instrumento de ajuda ao ser humano. Agradeço a Deus a oportunidade de tanto aprendizado. Teorias, metodologias, técnicas e muita alma, muito espírito, muito amor, muito cuidado. O caminho que nos leva ao outro passa pela coragem que temos de nos conhecer por dentro a cada nova experiência e desafio que a vida nos apresenta. Trabalhar música, sonoridades, pausas, silêncios pode tanto nos enraizar no chão quanto nos erguer ao infinito. Sempre digo: para o Céu, pés no chão. Os estudos nos dão os pés no chão, o amor e a prática nos levam aos céus. É quando a gente trabalha a esperança, quando a gente ajuda uma pessoa a descobrir a própria força que tem. A musicalidade do encontro humano que nos traz a riqueza de acalmar, também reanimar, pode organizar como levar ao caos e depois reorganizar, pode permitir composições belíssimas que tratam do sentimento humano, da vontade, do sonho, da esperança. Também abre espaço para cuidar do medo, da tristeza, da raiva. Muitas vezes possibilita companhia, reabilitação, recordações infindas..
Que Deus nos ilumine sempre nesse ofício!




domingo, 11 de setembro de 2011

Quando entrar setembro

A cidade está muito bonita. As árvores cheias de flores. Os Ipês à luz do sol brilham aos nossos olhos. A Sibipiruna está fazendo um tapete amarelo no chão. No silêncio da noite dá até para ouvir o barulhinho das flores caindo. Na tarde quente e seca de ontem, agradeci à Deus pelas árvores que aparecem nas janelas dos hospitais, nos mostrando o vento lá de fora quando balançam as folhas das palmeiras, as árvores que nos permitem passarinhos cantando ao amanhecer; bem-te-vi, periquito e cajamangas. No caminho para casa, para o trabalho, numa caminhada, muitas flores. Está chegando a primavera no cerrado.
 
Sol de Primavera
(Beto Guedes)

"
Quando entrar setembro e a boa nova andar nos campos
Quero ver brotar o perdão onde a gente plantou juntos outra vez
Já sonhamos juntos semeando as canções no vento
Quero ver crescer nossa voz no que falta sonhar
Já choramos muito, muitos se perderam no caminho
Mesmo assim não custa inventar uma nova canção que venha nos trazer
Sol de primavera abre as janelas do meu peito
a lição sabemos de cor
só nos resta aprender..."

sexta-feira, 9 de setembro de 2011

 
 
"A minha casa fica lá de traz do mundo 
Onde eu vou em um segundo quando começo a cantar" 
Lupicínio Rodrigues
 

quinta-feira, 8 de setembro de 2011


"Eu apenas queria que você soubesse
Que aquela alegria ainda está comigo
E que a minha ternura não ficou na estrada
Não ficou no tempo presa na poeira
(...)
E que a atitude de recomeçar é todo dia toda hora
É se respeitar na sua força e fé
E se olhar bem fundo até o dedão do pé
Eu apenas queira que você soubesse
Que essa criança brinca nesta roda
E não teme o corte de novas feridas
Pois tem a saúde que aprendeu com a vida"


Eu apenas queria que você soubesse - Gonzaguinha

quarta-feira, 7 de setembro de 2011

Aguça os ouvidos e escuta

 "Quando o silêncio se fizer mais pesado ao redor de teus passos, aguça os ouvidos e escuta. A voz Dele ressoará de novo na acústica de tua alma e as grandes palavras, que os séculos não apagaram, voltarão mais nítidas ao círculo de tua esperança, para que as tuas feridas se convertam em rosas e para que o teu cansaço se transubstancie em triunfo".
Francisco de Assis
 

domingo, 4 de setembro de 2011

Direito de sonhar



CRÉDITOS - DECLAMAÇÃO: EDUARDO GALEANO
Definição: Para que serve a "Utopia" por Fernando Berri
O Direito ao Delírio escrito por Eduardo Galeano
Entrevista a Eduardo Galeano.

sábado, 3 de setembro de 2011

Regando estrelas


"Senhor, concede-me a serenidade para aceitar as coisas que não posso modificar; coragem para modificar aquelas que eu posso e sabedoria para perceber a diferença."



sexta-feira, 2 de setembro de 2011

Me deixe sim
Mas só se for
Pra ir ali
E pra voltar
Me deixe sim
Meu grão de amor
Mas nunca deixe
De me amar
Agora as noites são tão longas
No escuro eu penso em te encontrar
Me deixe só
Até a hora de voltar
É só você que vem
No meu cantar meu bem
É só pensar que vem
Láia laia

Grão de Amor
 - Arnaldo Antunes


quarta-feira, 31 de agosto de 2011

Estrela do mar
(Marino Pinto e Paulo Soledade)

Um pequenino grão de areia
Que era um eterno sonhador
Olhando o céu viu uma estrela
Imaginou coisas de amor
Passaram anos, muitos anos
Ela no céu, ele no mar
Dizem que nunca o pobrezinho
Pode com ela se encontrar

Se houve ou se não houve
Alguma coisa entre eles dois
Ninguém soube até hoje explicar
O que há de verdade
É que depois, muito depois
Apareceu a estrela do mar

segunda-feira, 29 de agosto de 2011


"Deixe algum sinal de alegria, onde passes."
Chico Xavier
 

domingo, 21 de agosto de 2011

Ainda que...


Ainda que eu perca todas {as coisas}, terei todo {amor}

Ainda que cansada eu me sinta, saberei de um irmão que ajuda mais.

Ainda que eu acredite ser a minha carga pesada, nunca me faltará um colchão macio e um cobertor ao final do dia. Protegida por um teto, por um lar, pelo amor de meus pais e dos que me querem bem.

"Somos todos iguais (braços dados ou não)"
  

sábado, 20 de agosto de 2011

A pessoa



"Uma coisa eu aprendi pelas estradas por onde eu andei, e que eu sei que vou levar para estradas por onde eu vou andar. Eu aprendi que é fundamental que eu tenha respeito pela minha pessoa, pra que eu possa evidentemente passar esse respeito para outras pessoas. Porque não há uma coisa "mais maior de grande" do que a pessoa e porque somente juntos, somente unidos, é que nos vamos conseguir uma coisa bem maior chamada a nossa liberdade"  (Gonzaguinha em 1984 show com Gonzagão )

domingo, 14 de agosto de 2011

Cativar...

"O Amor é a única coisa que cresce à medida que se reparte".
Antoine de Saint-Exupéry

Feliz Dia dos Pais


Música "Um Anjo Do Céu" 
feita para a filha do guitarrista Prata (Banda Maskavo) 

Um anjo do céu, que trouxe pra mim
É a mais bonita, a jóia perfeita
Que é pra eu cuidar, que é pra eu amar
Gota cristalina, tem toda inocência

Vem óh! meu bem não chore não
Vou cantar pra você
Vem óh! meu bem não chore não
Vou cantar pra você

Um anjo do céu, que me escolheu
Serei o seu porto, guardião da pureza
Que é pra eu cuidar, que é pra eu amar
Gota cristalina, tem toda inocência


Um anjo do céu
Compositor
: Marcelo, Marrara, Quim e Prata

Música feita para a filha do guitarrista Prata. 




sexta-feira, 29 de julho de 2011

O doce da vida


Hoje eu estava saindo do trabalho, seguindo pela calçada quando ouvi o som de criança correndo. Parei e olhei para trás. Vinham duas crianças correndo. E disseram: "tia, viemos correndo para te abraçar!"
Que jeito doce de fechar uma semana!
Elevei meu pensamanto a Deus, agradecendo a oportunidade de servir, de poder ajudar e aprender tanto com o ser humano todos os dias. Todo o Bem, todo o Amor, é Jesus nos abraçando, nos lembrando de "para quê" viemos. Para estender os braços, alongar a alma, alcançar o outro.

terça-feira, 26 de julho de 2011


"A sós ninguém está sozinho
É caminhando
Que se faz o caminho..."


Enquanto houver sol - Titãs - Sérgio Britto

segunda-feira, 25 de julho de 2011

Ilumina


Ilumina, Senhora Divina, ilumina
Eu tenho tanta estrada em meu caminho
E muitas ilusões pra tropeçar
Quem segue a tua luz não vai sozinho
Tem sempre uma estrela pra guiar
Transforma minha voz na voz do vento
Que eu levo no meu canto o sentimento de cantar
Retira dos olhos de Deus este brilho divino
Para o meu destino iluminar
Ilumina, ilumina a escuridão, ilumina
Ilumina quem trás o perdão, ilumina
Ilumina quem trata da flor
Ilumina quem me iluminou
Iluminado seja o amor



Música: Ilumina (composição Noca da Portela, Toninho Nascimento e Tranka)

domingo, 24 de julho de 2011

Graças à vida

Gracias a la vida - Violeta Parra  


Graças à vida que me deu tanto
Me deu dois olhos que quando os abro
Distinguo perfeitamente o preto do branco
E no alto céu seu fundo estrelado
E nas multidões o homem que eu amo

Graças à vida que me deu tanto
Me deu o ouvido que em todo seu comprimento
Grava noite e dia grilos e canários
Martírios, turbinas, latidos, aguaceiros
E a voz tão terna de meu bem amado

Graças à vida que me deu tanto
Me deu o som e o abecedário
Com ele, as palavras que penso e declaro
Mãe, amigo, irmão
E luz iluminando a rota da alma do que estou amando

Graças à vida que me deu tanto
Me deu a marcha de meus pés cansados
Com eles andei cidades e charcos
Praias e desertos, montanhas e planícies
E a casa sua, sua rua e seu pátio

Graças à vida que me deu tanto
Me deu o coração que agita seu marco
Quando olho o fruto do cérebro humano
Quando olho o bom tão longe do mal
Quando olho o fundo de seus olhos claros

Graças à vida que me deu tanto
Me deu o riso e me deu o pranto
Assim eu distinguo fortuna de quebranto
Os dois materiais que formam meu canto
E o canto de vocês que é o mesmo canto
E o canto de todos que é meu próprio canto

Graças à vida, graças à vida